blog

Freelancer tem salário fixo?

por Denise Saito

Última atualização

18 de Maio de 2022

Você já pensou em ter salário fixo como freelancer? Pode parecer impossível para autônomos, mas acredite: é possível e pode te ajudar muito a evoluir profissionalmente. Quer saber por quê?

Me dê motivos

1. Você não terá mais dúvidas de quanto dinheiro terá no mês que vem

Não ter noção do futuro é uma das maiores desvantagens de ser freela. Sem salário fica difícil de prever quanto dinheiro terá no mês seguinte, o que dificulta fazer planos ou tomar decisões importantes. Com um pagamento fixo caindo na sua conta todo mês, isso não acontece – você sabe exatamente a quantidade e a data em que a grana vai vir.

2. Você sabe quanto pode gastar no mês

A vida padrão de um freela consiste em gastar à medida que os pagamentos vão entrando. Quanto mais dinheiro, mais gastos. Com isso, é muito difícil controlar seus gastos e estimar seu custo de vida. Já com um salário fixo, seus gastos são mais constantes e controlados. Ter noção do seu custo de vida também te dá mais parâmetros na hora de cobrar e calcular seus orçamentos.

3. Você tem data certa para pagar as contas

Se você tiver um bom controle financeiro, a maioria das suas contas já estarão previstas para o mês. Com isso, não tem aquela situação de não ter dinheiro para pagar os boletos – a não ser que você gaste dinheiro que não deve!

4. É melhor pra sua empresa

Para sua empresa, é muito melhor saber exatamente quanto deve te pagar e ter uma data fixa para isso. Esse gasto entra na planilha PJ e a administração financeira fica muito mais organizada. Além disso, possibilita entender quanto tempo a empresa pode te sustentar de acordo com o dinheiro disponível na conta jurídica.

5. É sinal de maturidade profissional

Quando você consegue se organizar para se pagar um salário e gera receita para isso, é sinal que tem coisa dando certo! Esse é um passo importante na carreira de um freelancer e mostra que você está amadurecendo como profissional independente. Depois do salário, o próximo passo é se organizar pra tirar férias e ter um décimo terceiro.

6. Faz você se valorizar como profissional – e consequentemente te traz mais dinheiro

A partir do momento que você se vê como empresa e funcionário, você passa a se valorizar mais. Isso te faz entender a importância de cobrar valores justos pelo seu trabalho, a se impor e dizer “não”, a não aceitar trabalhos abusivos, entre muitas outras coisas. Ter uma vida financeira organizada te ajuda a evoluir profissionalmente, e o salário é parte dessa evolução. Quer saber como calcular seu salário? Vem aqui que te conto.

Fica, vai ter aumento

E freelancer tem aumento? Sim, ou pelo menos deveria ter. Existem duas formas de calcular um aumento pra você mesmo.

1. Aumento em relação à inflação

Esse tipo de aumento pode ser comparado ao famoso dissídio. Todos os anos nossa vida fica mais cara e, consequentemente, seu salário deveria aumentar pra arcar com esse aumento de custo de vida. Em 2021, a inflação fechou em 10,06% e isso deveria refletir nos seus orçamentos. Por exemplo, se em 2020 você pagava R$100 por um botijão de gás, em 2021 este mesmo produto passou a custar R$110,60. Da mesma forma, se você cobrava R$100 por hora em 2021, no ano seguinte deveria cobrar R$110,60 por hora.

2. Aumento por experiência profissional

Nossa evolução profissional se dá com a experiência, e a curva de aprendizagem de um freelancer é muito mais rápida porque costumamos fazer mais trabalhos em menos tempo, além de lidar com mais coisas que num emprego fixo. Com isso, é normal que em um ou dois anos, nosso trabalho ganhe muito valor e a gente sinta que deveria ganhar mais. Esse aumento por experiência vai do seu crivo e da sua autoconfiança. Não existe certo ou errado, nem fórmula mágica – só você vai dizer quanto merece ganhar a mais e quando esse aumento deve acontecer.

Depois disso tudo, você deve ter se convencido da importância de ter um salário, mas como sei qual deveria ser o meu? Falo em detalhes sobre como calcular seu salário aqui.